Macarrão engorda menos que o arroz

Você já deve ter ficado na dúvida quanto ao que engorda mais, se é o macarrão ou o arroz, não é mesmo meninas?

Bem hoje vou esclarecer para vocês o que você pode comer e ter certeza de que engorda menos. Os dois são alimentos muito saborosos e irresistíveis. O arroz, por exemplo, para a maioria das pessoas não pode faltar no prato, pois é indispensável para acompanhar qualquer outro tipo de alimento. Mas saiba que o arroz é o grande vilão, isso mesmo, ele engorda mais do que o macarrão, tão temido pelas mulheres por causa da balança.

Porque o macarrão engorda menos do que o arroz?

Pesquisas descobriram que o macarrão, sem sombra de dúvidas, engorda menos do que o arroz branco. Isso acontece por ele ser um alimento de baixo índice glicêmico o que faz com que demore mais para ser ingerido pelo organismo promovendo o aumento da sensação de saciedade. Você sabia que mesmo sendo um parto de tradição da culinária italiana o macarrão foi inventado pelos árabes? Na fórmula do macarrão também existe uma concentração de sódio, gordura e colesterol muito baixa, também é rico em carboidrato, elemento indispensável para dar energia.

Macarrão-engorda-menos-que-o-arroz-02

Benefícios do consumo do macarrão

Além de ser um alimento delicioso o macarrão, ou massa, também beneficia o cérebro com o reabastecimento da reserva de energia. Ele também beneficia a captação de tripofano, responsável por produzir a sensação de calma e bem estar. Se você consumir o macarrão com molho de tomate ele é menos calórico do que o arroz branco. Para ter uma ideia do quanto o macarrão é menos calórico em um prato de macarrão com aproximadamente 110 gramas chega a ter 122 calorias, já em um prato de arroz branco com a mesma quantidade chega a ter 138 calorias. Invista mais no macarrão e mantenha a forma.

10 Comentários

  1. ana paula a.s 21/04/2016
    • Equipe Vestir e Maquiar 06/05/2016
  2. elisangela 10/06/2016
  3. DARIO OLIVEIRA 12/06/2016
  4. gleycy viviane nascimento lemos 28/10/2016
  5. Ângela Rodrigues 27/11/2016
  6. Eduardo 23/05/2017
  7. aline 11/10/2017
  8. José de Castro Rocha 03/12/2017
  9. Flavia 14/03/2018

Faça um Comentário

Leia também esse artigo: