Gordura localizada- Saiba quais são os vilões da sua dieta

Fazemos dieta, malhamos nos submetemos a alguns procedimentos estéticos como massagem localizada, por exemplo, e aquela gordurinha localizada não desaparece.

Muitas vezes temos que encarar técnicas mais radicais e agressivas como a lipoaspiração. Algumas pessoas estão aderindo a lipoaspiração com maior frequência do que o recomendado. Pessoas sedentárias, que se alimentam em excesso, quando percebem que a gordura localizada acumulou-se, recorrem a lipo. Estar acima do peso, muitas vezes não interfere só na questão estética, pode acabar comprometendo sua saúde. E quando falamos de gordura e relacionamos esse assunto à saúde, devemos nos preocupar, principalmente, se essa gordura se localiza no abdômen. Ela traz vários riscos à saúde podendo levar à morte. Por isso, se você tem um abdômen “duvidoso”, fique atenta aos danos que isso pode causar a sua saúde.

O ideal é mudarmos nossos hábitos, caso contrário, nunca nos livraremos da gordura localizada. Seguir uma dieta saudável e praticar atividade física regularmente não só evita o ganho de peso como também previnem inúmeras doenças.

Gordura-localizada-Saiba-quais-são-os-vilões-da-sua-dieta-01

Hoje conheceremos hábitos e alimentos que são responsáveis pelo acumulo de gordura.

Jejuns prolongados faz com que o alimento ingerido seja armazenado em forma de gordura. Ao ficarmos um longo tempo sem comermos, nosso organismo entende que a próxima refeição deverá ser armazenada, como fonte de energia para quando for necessário. Nosso organismo não sabe a hora que iremos reabastecê-lo, então retirará dos músculos a energia necessária para realizarmos tarefas vitais e atividades diárias. Assim, acumularemos gordura e flacidez. Quanto maior for nosso índice de massa magra (músculos) mais fácil se torna a preda de peso. O músculo necessita de muita energia para sua manutenção, conseguimos queimar energia mesmo quando estamos em repouso. Ao iniciarmos uma dieta devemos diminuir o consumo de alimentos durantes as refeições, e fazer algumas substituições como comer frutas ou iogurte light nos lanches intermediários.

Ingerir mais calorias do que gastamos também faz com que acumulemos gordura. Por isso é necessário que consultemos um médico especializado, ele analisará vários fatores como idade, sexo, frequência de atividade física e calculará a quantidade ideal de alimento para alcançarmos nosso objetivo.

Consumir alimentos de alto índice glicêmico contribui para acumulo de gordura. O índice glicêmico representa a velocidade em que o carboidrato é digerido e transformado em açúcar no sangue. Ao consumir alimentos de alto índice glicêmico, ou seja, que são digeridos mais rapidamente, a quantidade de açúcar no sangue aumenta, sendo necessário liberar maior quantidade de insulina para normalizar a glicemia sanguínea. Essa situação pode sobrecarregar o pâncreas, ocasionando resistência à insulina e até mesmo diabetes.

Gordura-localizada-Saiba-quais-são-os-vilões-da-sua-dieta-03

Quando os níveis de açúcar se elevam excessivamente há maior tendência do organismo armazenar gordura, favorecendo o aumento de peso.

Devemos evita o consumir carboidratos refinados, arroz, pão, massa e biscoitos. Temos que substitui-los pelos integrais. Alimentos integrais são ricos em fibras. As fibras promovem maior sensação de saciedade e melhoram o trânsito intestinal. Dessa forma comeremos menos e nosso intestino liberará toxinas nocivas ao nosso organismo.

Devemos ter cuidados com os produtos lights. Muitas vezes escolhendo produtos “lights”, por acreditarmos que são mais saudáveis, mas às vezes, esquecemos ou desconhecemos o fato de que o açúcar é um perigo que se esconde não só nos biscoitos, refrigerantes ou chocolates, mas também em molhos de tomate, iogurtes lights que nunca imaginaríamos ter tanto açúcar. Na hora de comprar o produto, a dica é comparar a quantidade de calorias, sódio e gorduras, essa é a única forma de melhorar a qualidade do que comer na hora de escolher o que levar para casa. Fique atenta para não cair em uma armadilha, só porque contêm a informação que é light não significa que você pode consumi-los à vontade, tornando esses produtos base do cardápio. As bebidas lights também devem ser evitadas, como são doces mas não têm calorias, confundem o organismo. Resultado: a sensação de saciedade dura pouco e a fome logo volta. Procure beber sucos naturais ou água.

Então, com isso fica uma dica, quanto mais natural e caseira for sua alimentação, melhor, troque lights por menos açúcar e pratique regularmente exercícios físicos eles ajudarão a manter a forma com saúde.

Faça um Comentário

Leia também esse artigo: