Dança do ventre: a dança que ajuda a emagrecer

Quem ainda não começou a se exercitar é por que não encontrou a atividade que despertou o seu atleta interior. fazer atividade física pode ser difícil no começo, afinal, o corpo não está acostumado com atividades intensas e os músculos sentem o esforço.

Mas é preciso dar tempo ao tempo e insistir na atividade para sentir os benefícios do exercício, mas se mesmo assim você não gostar o jeito é partir para outra atividade e encontrar uma que você se identifique.

Para quem gosta de dança e música a dica é investir em exercícios que misturem as duas coisas, afinal, quem falou que não dá para se exercitar e se divertir ao mesmo tempo? Um exercício bem indicado para quem gosta de música e dança é a dança do ventre, ela pode parecer simples e tranquila, mas a verdade é que essa atividade exige muito do físico e ajuda sim a emagrecer. Confira alguns dos benefícios da dança do ventre e comece agora a praticar essa atividade:

Músculos: A dança do ventre trás inúmeros benefícios para os músculos, isso por que ela ajuda a tonificar e desenvolver a musculatura da perna, como coxas e panturrilhas. Além disso, como a dança envolve muitos movimentos firmes de braço, é possível perceber que ao longo do tempo essa musculatura fica mais torneada e rígida.

Elimina calorias: Quem acha que é fácil dançar a dança do ventre é por que nunca tentou ensaiar alguns passos, a atividade exige força, concentração e muito fôlego! Em uma hora de prática é possível eliminar até 400 calorias, além de trabalhar e fortalecer a musculatura e ajudar na busca da cintura fininha.

dança-do-ventre

Coordenação motora e memória em dia: a dança do ventre exige um pouco de habilidade e coordenação, as coreografias pedem movimentos de pernas, braços, abdome, tudo ao mesmo tempo, assim quem prática desenvolve essa consciência corporal e a habilidade de coordenar os diferentes movimentos no mesmo passo. Além de coordenação a dança permite trabalhar a memória do individuo, afinal, a dança do ventre envolve passos e sequências de movimentos a serem feitos com o corpo todo, fazendo com que o cérebro se exercite também.

Auto-estima em dia: outra coisa que a dança do ventre trabalha é a auto-estima, afinal é uma dança que envolve sensualidade, tanto no corpo quanto no olhar, corrige a postura, deixando a mulher mais elegante, feminina, sensual e com a auto-estima em dia. A mulher tem a oportunidade de se conhecer melhor, se tornar mais comunicativa e criativa.

Trabalha as articulações: os movimentos da dana ajudam a fortalecer  e condicionar as articulações, assim você sente menos dores nessas áreas e fica mais difícil a ocorrência de lesões.

Deixa o dia mais leve:  a dança e a música trazem sensação de bem estar, ao praticar a atividade e compartilhar das experiências do grupo, a mulher libera o stress acumulado ao longo do dia, fica mais feliz e relaxada.

Ativa a circulação sanguínea:  A boa circulação sanguínea evita processos inflamatórios, melhora a aparência da pele e evita problemas graves de saúde, por isso a prática de exercícios físicos é tão importante.

Faça um Comentário