A mulher e o dinheiro

Quem diria que esse mundo machista um dia fosse reconhecer isso, mas agora tem que se render a essa verdade: a mulher e o dinheiro andam juntos.

Nos séculos passados, aliás, desde que o mundo é mundo, as pessoas entendiam que lugar de mulher era na cozinha, cozinhando, cuidando das crianças ou no máximo cultivando uma horta no quintal dos fundos. Aí o tempo foi passando e elas foram conquistando seu espaço em todas as áreas da vida. Aquela geração de mulheres “tapadas” que não abriam a boca para nada, talvez até porque não tivessem muito que dizer, acabou. Hoje, elas são totalmente articuladas, capazes de falar de negócio, poupança e até mesmo investir no mercado de ações.

mulher e dinheiro

 

Na verdade, essa capacidade sempre existiu nas mulheres, mas as pessoas, a sociedade de uma forma geral não acreditava nisso. Há anos atrás, países como o Brasil jamais elegeriam uma mulher para governar o país, agora já está acontecendo; não apenas na política, em todos os lugares onde se vai por esse mundo afora é possível ver as mulheres dirigindo um belo carro (coisas que os homens achavam que só eles sabiam fazer), dando ordens em uma empresa, tocando o seu próprio negócio, dando aulas em faculdade, fazendo cirurgias em uma UTI, enfim, são tantas coisas que as mulheres fazem hoje que faltariam palavras…

Mulher Sabe Administrar Melhor o Dinheiro?

E aquela fama de que a mulher e o dinheiro não podem se juntar? Grande parte dos homens tinham medo de ir para o banho e esquecer a carteira fora do banheiro, pois achavam que a mulher pegaria o dinheiro todo para gastar com jóias, roupas ou perfumes. Pois acredite se quiser: já tem muito marmanjo colocando o salário do mês na mão da mulher, assumindo que ela sabe investir, aplicar na poupança, dirigir o negócio da família e gastar naquilo que realmente precisa.

Isso prova que os tempos agora são outros. A mulher e o dinheiro não se separam mais, onde está um, está o outro. Já reparou que grande parte dos comerciais de TV são voltados para o público feminino? A mulher sabe onde quer gastar, em que investir, não fica jogando dinheiro fora como se dizia antigamente. É claro que de vez em quando tomar um “chá de shopping” ao faz mal a ninguém, mas experimente olhar as estatísticas e você verá que 40% das mulheres possuem uma conta poupança para si mesma e 50% fazem uma poupança para os filhos.

mulher e dinheiro1

Para quem não pensava em outra coisa a não esquentar a barriga no fogão e depois esfriar no tanque a mentalidade das mulheres mudou muito: 35% acreditam que possuem capacidade de ter o seu próprio negócio, muitas delas já começaram a investir em si mesmas fazendo cursos profissionalizantes, reservar uma parte do dinheiro na poupança para que quando surgir a oportunidade tenha dinheiro para investir no seu próprio negócio.

Não foi fácil chegar até aqui, foi uma trajetória de luta, de rejeição, de preconceito, de discriminação, mas valeu à pena. Agora é continuar lutando para manter o que já foi conquistado e conseguir muito mais.

Faça um Comentário