5 dicas para quem exagerou na alimentação

Com tantas comidas boas e momentos propícios que pedem uma bebida bem gelada, fica difícil saber até onde podemos ir quando o assunto é alimentação nas férias e, principalmente, nas festas de fim de ano.

Por isso que criamos esse artigo, para destacar pra você 5 dicas para aquelas pessoas que exageraram na alimentação com as festas de fim de ano. Seguindo essas dicas básicas e importantes, com certeza você evitará sentir isso não somente nas festas de fim de ano, mas também em quaisquer situações que poderão vir no decorrer desse 2015 que já começou.

Antes de qualquer coisa, vale a pena tomar cuidado com a alimentação sempre.

Uma coisa é certa, não é necessário comermos tudo que vem pela frente. Ainda mais quando estamos nos alimentando de produtos com altas taxas de gordura, carboidrato e açucares. Por isso, vale a pena manter sempre uma alimentação balanceada e não necessariamente restritiva, afinal de contas, comendo de forma equilibrada e sem exageros, podemos comer de tudo. Não podemos nos ater a meras regalias de que se podemos comer aquele docinho todos os dias ou aquele salgado de tirar o fôlego de tão bom, iremos comer somente esse tipo de alimento. Por isso, caprichar bastante na boa alimentação e praticar exercícios no mínimo 3 vezes por semana fazem toda a diferença até mesmo nos dias em que por ventura se exagerou na alimentação.

Dicas para quem exagerou na alimentação

Com essas dicas você com certeza notará toda a diferença se por acaso for necessário ter que tomar esses cuidados para evitar problemas estomacais e intestinais.

Evite consumir alimentos industrializados

Procure evitar consumir alimentos que não sejam naturais, e por isso, retire todos os alimentos que contenham corante e que sejam embutidos da sua alimentação. Fazendo essa medida de prevenção, você com certeza estará dando um sossego ao seu fígado que precisa de descanso por ter trabalhado muito nos dias que antecedem e trouxeram como consequência o mal estar causado pelo exagero da alimentação. Pelo fato do fígado ser o responsável por eliminar as substancias artificiais do nosso corpo que não consegue metabolizar, vale a pena evitar que ele tenha mais trabalho, sendo que está mais sobrecarregado.

Aumente o consumo de fibras

Pelo fato das fibras eliminarem as toxinas do nosso organismo, a desintoxicação que as fibras também causam ao auxiliar na melhora do transito intestinal fazem com que elas sejam excelentes aliadas também para assimilar os nutrientes que entrarem no nosso corpo.

Um bom motivo pelo qual o alimento pode estar pesando no seu estômago e/ou intestino é pelo fato dele não ter sido bem absorvido e ter chegado intacto no intestino ou produzem bactérias(por consequência de não terem sido ingeridos) que interferem na digestão.

alimentação-saudavel

Anexe em sua alimentação produtos orgânicos

Além de serem muito mais benéficos à saúde e terem potenciais fontes de energia, vitaminas, minerais e proteínas, os alimentos orgânicos também são isentos de insumos artificiais e hormônios. Com isso, o fígado consegue absorver e fazer o seu trabalho de uma forma mais leve. De preferência, alimente-se de carne de gado que seja alimentado por produtos orgânicos ou aposte em carne branca como peixes menores. Evite atum e salmão, afinal de contas, são mais propícios por contaminarem-se com metais pesados que podem estar na agua em que vivem e não fazem bem a saúde.

Não ingerir bebida alcoólica

Ao ingerirmos bebidas alcoólicas, o fígado se sobrecarrega e não consegue metabolizar a gordura. Com isso, você conseguirá desintoxicar o seu organismo, ao invés de achar mais uma coisa para que o fígado precise se preocupar.

Aposte em sucos e chás naturais

Vale a pena tomar os sucos e chás naturais. Enquanto que os chás são diuréticos e ajudam a drenar as impurezas do corpo e aceleram o metabolismo(temos como exemplo o chá verde, gengibre e hibisco), os sucos devem ser preparados em centrifugas para aproveitar toda a substancia benéfica que o suco tem a oferecer(podemos citar o abacaxi, melancia e couve).

Faça um Comentário